RESSIGNIFICANDO URGÊNCIA E IMPORTÂNCIA NA GESTÃO DO TEMPO

Um grande desafio na vida de qualquer pessoa, cada vez mais é a GESTÃO DE TEMPO.

A grande quantidade de tarefas que todos temos que gerenciar diariamente é quase insana, tornando-se obrigatório o uso de alguma metodologia para conseguir dimensionar e dar prioridade ao que deve ser realizado.

Existe um método que muitos provavelmente já conhecem ou devem ter ouvido falar, chamado MATRIZ DE EISENHOWER.

É uma metodologia quase intuitiva onde as tarefas são classificadas em 4 grupos resultantes do cruzamento entre as seguintes características: URGENTE, NÃO URGENTE, IMPORTANTE E NÃO IMPORTANTE.

As ações a serem realizadas são organizadas em quadrantes resultantes do cruzamento das características, gerando assim 4 grupos distintos:

Não foi fornecido texto alternativo para esta imagem

IMPORTANTE, MAS NÃO URGENTE – decidir quando fazer

Se enquadram nesse quadrante tarefas que tem não prazo e podem serem feitas em outra hora:

·     Aumento de conhecimento

·     Planos de Carreira

·     Construção / Manutenção da rede de relacionamento

·     Exercícios físicos

IMPORTANTE E URGENTE – fazer imediatamente

Nesse quadrante temos as tarefas que tem prazo e podem gerar problema se não forem resolvidas agora:

·     Projetos com prazos

·     Problemas urgentes

·     Reuniões

·     Pagamentos

NÃO É IMPORTANTE, NEM URGENTE – faça mais tarde ou elimine

Aqui são as tarefas que caso não realizadas não geram nenhum impacto relevante:

·     Redes sociais

·     Telefonemas irrelevantes

·     Excesso de TV ou internet

NÃO É IMPORTANTE, MAS É URGENTE – delegar para outra pessoa

Nesse quadrante ficam as tarefas que podem ser realizadas por outras pessoas, não precisa ser você:

·     Tarefas da casa

·     Reservar passagens / viagens

·     Responder alguns e-mails

O método ajuda bastante na gestão do tempo, priorizando aquelas tarefas que são mais urgentes e mais importantes.

Boa sorte a todos e me contem se conseguiram aplicar o método!!

 

OOOOOOPA, para tudo!!!

Será que no mundo atual, na loucura que estamos vivendo isso realmente faz sentido???

Vamos recapitular???

 

IMPORTANTE, MAS NÃO URGENTE – decidir quando fazer

Se enquadram nesse quadrante tarefas que tem não prazo e podem serem feitas em outra hora

·     Aumento de conhecimento

·     Planos de Carreira

·     Construção / Manutenção da rede de relacionamento

·     Exercícios físicos

Esses pontos, nesse momento de insegurança e instabilidade em função do Coravírus e o distanciamento social, ganharam uma urgência muito maior do que tinham antes.

Um profissional para se manter no mercado de maneira competitiva deve manter a sua relevância interagindo constantemente com sua rede de relacionamento.

É o momento para se ter claro o plano de carreira, quais os próximos passos e se manter o máximo possível atualizado. Investir em conhecimento passou a ser um requisito importante para manter a competitividade.

RESUMINDO: esses itens passaram a ser URGENTES!

 

IMPORTANTE E URGENTE – fazer imediatamente

Nesse quadrante temos as tarefas que tem prazo e podem gerar problema se não forem resolvidas agora

·     Projetos com prazos

·     Problemas urgentes

·     Reuniões

·     Pagamentos

Com toda a certeza, o critério de urgência foi ressignificado.

Muitos projetos que tinham prazos foram revistos para nova realidade, reuniões além de tornarem virtuais permitem uma certa flexibilidade, considerando-se as dificuldades individuais dos seus participantes.

O termo URGENTE foi bastante flexibilizado, dando espaço as necessidades e emocional das pessoas.

RESUMINDO: esses itens não obrigatoriamente continuam URGENTES!

 

NÃO É IMPORTANTE, NEM URGENTE – faça mais tarde ou elimine

Aqui são as tarefas que caso não realizadas não geram nenhum impacto relevante

·     Redes sociais

·     Telefonemas irrelevantes

·     Excesso de TV ou internet

Redes sociais nesse momento devem ser usada para fins profissionais (LinkedIn) ou para manter contato com as pessoas uma vez que não há mais intereçoes presenciais.

Não devem ser eliminadas até para manter o equilíbrio mental.

Questionar internet nesse momento nem é necessário. Nossa vida hoje tornou-se 100% dependente.

A TV virou nossa válvula de escape. Não apenas os canais abertos, como nosso melhor amigo NETFLIX!

RESUMINDO: o que parecia sem relevância na nossa vida passou a ter um papel muito IMPORTANTE

NÃO É IMPORTANTE, MAS É URGENTE – delegar para outra pessoa

Nesse quadrante ficam as tarefas que podem ser realizadas por outras pessoas, não precisa ser você

·     Tarefas da casa

·     Reservar passagens / viagens

·     Responder alguns e-mails

Aqui só nos resta uma questão: delegar para quem????

RESUMINDO: um item que costumávamos delegar, passa a assumir na vida de muitos um papel IMPORTANTE e URGENTE, que muitos casos acabam sendo priorizados, por necessidade de muitas famílias, às tarefas profissionais.

Com o tempo esses quadrantes vão se readequando, mas o que sabemos que poucas são as probabilidades de voltar à divisão inicial. Temos todos repensado bastante a importância e urgência de nossas tarefas e construindo uma nova dinâmica de vida!

Vamos acompanhando!

______________________________________________________________________________________________________________

Silvia Berger é graduada e pós graduada em administração pela FGV e especialista em Marketing Estratégico pela University of California (UC Berkeley). Atuou como executiva de Marketing e Vendas em grandes empresas ao longo dos seus 25 anos carreira, como GE Healthcare, Cia. Athlética,Microsoft, IBM e Credicard. Após deixar o mercado corporativo, certificou-se em Personal Branding como Estratégia de Gestão de Carreira pela Berenholc & Dalpra, onde conheceu suas sócias Nora Mirazon Machado e Mônica Camargo Tracanella, que hoje comandam a Trilogie – consultoria de Branding e Carreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *